E se o scanCOVID-19 tivesse nascido em 2022?

Maria Cristina Soares Guimarães, Janio Gustavo Barbosa

Resumo


Acompanhar a velocidade das mudanças, qualitativas e quantitativas, na produção de conhecimento em tempos de pandemia de covid-19 impulsionou o desenvolvimento de inúmeras iniciativas de monitoramento da informação científica. O scanCOVID-19 foi uma delas. Essa nota de conjuntura procura situar a importância do investimento em projetos dessa natureza, que possam ter reflexos nas relações entre ciência, Estado e sociedade.


Palavras-chave


Monitoramento de informação; Covid-19; Ciência aberta; Ciência de dados; scanCOVID-19.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.29397/reciis.v16i1.3224

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil